Digite seu E-mail:

Assine o Feed

Os Anunnaki construíram as Pirâmides do Egito, de acordo com o 10º Tablete Sumério

piramides-egito-construidas-anunnakis

Anunnaki – Os Construtores das Pirâmides !

Como já é conhecido de muitos, que conhecem as obras de Zacharias Stichen, Nibiru é um planeta habitado por uma raça superior alienígena, que a milhares de anos atrás, por suas buscas pelo ouro da terra. E com suas interações em nosso meio e por suas obras tecnológicas á esta humanidade, está a construção de diversos monumento megalíticos, tais como as próprias pirâmides do Egito. E isso que veremos aqui neste ARTIGO.

São eles o Deuses da cultura Suméria e nitidamente o MESMO Deus conhecido pelos Hebreus de YAVÉ, isso não menos presa o verdadeiro Criador, mostrando que a criação segue uma complexabiliadade ainda maior.

Como já expliquei por essa parábola: “a abelha sendo seduzida pelo mel, em sua trabalho para retirá-lo da flor, em seu caminho de volta á colmeia sem saber, poliniza a terra ao seu redor, sendo um instrumento divino para o propósito na criação

Assim aconteceu com os Anunnakis, que seduzidos pelo nosso ouro, agiram com seus conhecimentos como instrumentos deste GRANDE ESPÍRITO ou Consciência (DEUS), em uma das obras das criação, ou seja “nossa humanidade”. Assim como explica até a doutrina espírita; onde todos os espíritos evoluídos participam diretamente do grande plano, direta e indiretamente servindo também como missões para seus próprios aperfeiçoamentos e progressos.

Vamos aqui e agora desvendar muitos enigmas importantes sobre o nosso passado e da humanidade e creio que para muitos as provas aqui serão conclusivas sobre o tema.

- Valter J.Amorim (Aquárius 2036)

O Colapso em Nibiru e o Ouro

deuses-construtores-anunnaki

I. Breve introdução

Aos leitores que estão familiarizado com o tema “Anunnaki”, sabem que são na verdade; os deuses (extraterrestres) que criaram o homem, por manipulações genéticas da mistura de seus genes com uma espécie primitiva da terra. Essa descrição é referida na gênese da bíblia, que é uma cópia da cópia de tais tradições sumérias. Anunnaki (que significa literalmente "aqueles que do céu vieram para a Terra") em nosso planeta.

E aqui, sendo para mim um dos melhores artigos sobre o assunto trataremos:

- Colapso em Nibiru

- Criação do Homem

- Dilúvio

- Construção das Pirâmides e outros monumentos megalíticos

- A face de Marte, representando um rei Anunnaki

- A perda da atmosfera de Marte

- Deuses Anunnaki mesoamericanos 

- Deuses egípcios

E outras mais:

Piramides-de-Giza

Hoje Grandes Pirâmides do Egito

De acordo com o Anunnaki, o nosso sistema solar tem mais um membro, um enorme planeta que orbita o sol em sua longa elipse de 3600 anos. Eles chamam esse planeta de Nibiru, que significa "o planeta da travessia" - porque, juntamente com suas luas eles formam uma cruz, e Nibiru está localizado neste cruzamento.

Este planeta tem uma longa órbita ao redor do Sol, Nibiru tinha uma espessa atmosfera superior que os protegiam do frio, como um cobertor quente. Também tinha a tarefa de manter seu oxigênio á não deixa-lo escapar para o espaço, tornando a vida como a conhecemos, possível.

Infelizmente com o tempo pelo desgaste, os nibirudianos se confrontaram com sua extinção, quando, os "vulcões, por suas atividades começaram a prejudicar sua atmosfera, e o ar de Nibiru foi se ficando escasso e mais fino, e o escudo protetor foi diminuída (...) "

(...) ". Após crise a crise, a atmosfera de Nibiru mais rompimento sofreu, levando o conselhos dos sábios, buscarem curas ou formam científicas para tentarem regenera-lo, reuniões que foram consideradas urgentíssimas

Para encurtar a história, eles já haviam tentado de tudo: desde a criação de um escudo artificial (que eventualmente caiu por terra), e até a bombardearem os vulcões com armas nucleares como, a fim de torná-los ativos, mais uma vez, todos os seus esforços terminaram em fracasso .

Os Cientistas de Nibiru tiveram uma última sugestão para curar a atmosfera de Nibiru: pulverizando com ouro em pó muito fino, sua atmosfera. A ideia foi tão boa, pois o nano-pó de ouro atômica ficaria suspenso e, com o tempo, repararia por completo a brecha. Mas o ouro era extremamente escassa em Nibiru, embora "dentro do grande bracelete (cinto de asteróides) fosse abundante."

Nibiru-e-outros-planetas-sistema-solar

(Representação artística do nosso sistema solar - não escalado)

Logo, "as chuvas foram retidos, ventos soprou mais forte; o planeta ficar mais quente, não surgiu brota das profundezas." Os Nibiruanos começaram a ficar inquietos e pararam de adorar seu atual rei Alalu, por não ser capaz de trazer-lhes a salvação. Anu aproveitou a oportunidade e destronou Alalu da realeza de Nibiru.

Temendo a morte, Alalu embarcou em um "carro celestial lança-mísseis" e definiu seu curso para a Terra, onde descobriu ouro. Ele enviou a boa notícia a Nibiru e solicitou ao trono de volta, mas em vez disso, Anu prometeu-lhe a liderança da Terra.

Anu e seus dois filhos, Ea e Enlil, chegaram à Terra para fazer planos para o futuro. Ele decidiu dar a liderança da Terra para seu filho, Ea, e rebatizou-o En-ki (Master da Terra). Alalu ficou muito ofendido e desafiou Anu para a batalha, mas perdeu novamente.

Alalu foi condenado a morrer no exílio, sozinho, em um planeta estrangeiro(Marte). Vou continuar esta história no capítulo final, onde vou fazer algumas ligações interessantes.

Outro aspecto muito importante é a enorme extensão de vida dos Anunnaki, que vivem por centenas de milhares de anos. Isto significa que muitos dos Anunnaki mencionados neste artigo são, provavelmente, ainda hoje vivo.

Vejam: A Lista de Reis Sumérios: um mistério para os historiadores

A Criação do homem

Anunnaki-criacao-homem

Após se detectado pelos deuses que a terra possuía muito ouro em suas entranhas, os anunnakis fundaram diversas cidades, espaço portos e estações operacionais comandados por Enki, o primogênito de Anu.

De nibiru foi exigido novas viagens com o envio de anunnakis operários que deveriam trabalhar nas minas. Más por um longo período estes anunnakis serviçais (igigi) passaram a reclamar das péssimas condições de trabalho, que gerou uma rebelião. Quando essa rebelião chegou ao conhecimento do Deus Anú, ele deixou a cargo de Enki a busca por uma resposta, e assim concluiu diante dos outros Deuses; “Criaremos um Lulu, um Trabalhador Primitivo que carregue sobre si a fadiga dos deuses”.

Para concluirmos a questão do uso da manipulação genética pelos Deuses, Enki explica: “O ser que precisamos já existe! Tudo o que temos que fazer é lhe pôr o sinal de nossa essência”.

Portanto; é isso que significa quando a Genese diz ”façamos o homem á nossa imagem”, o sinal dos deuses em nós, através da mistura de seus genes com o de uma raça primitiva.

Após diversas tentativas, o homem foi criado, e assim tempos depois substituídos pelos deuses operários.

Na verdade o que os Anunnaki fizeram foi apenas acelerar o processo evolucionário da humanidade, pois sem isso ainda viveríamos no primitivismo.

E assim a humanidade corria do modo ao qual os deuses extraterrestres programaram; até ?….

Vejam: Cientistas encontram genes de extraterrestre em dna humano

II. A grande inundação

De acordo com o décimo - do chamado "perdido" - tablete sumeriana (escrito por Enki ), os Anunnaki construíram as pirâmides do Egito como balizas para o seu novo espaçoporto principal na Terra, depois de suas antigas cidades e primeira criações humanas terem sido dizimado pelo Grande Dilúvio bíblico. Segundo as tábuas sumérias o dilúvio na verdade foi causado pela passagem de Nibiru próximo a terra.

Aqui está como os acontecimentos se desdobraram:

Muito antes de Nibiru atingir o seu perigeu, outras alterações significativas já estavam ocorrendo: manchas pretas apareceu na superfície do Sol, campo magnético da Terra se tornou mais fraco, as temperaturas se elevaram e as calotas polares começaram a derreter. (Todos estes eventos são similares ao que nós experimentamos hoje, incluindo o mais recente manchas pretas do sol).

O tablete não explica o que causou essas mudanças, mas apresenta a preocupação dos cientistas de Nibiru. Eles entenderam que a passagem de Nibiru iria causar enormes maremotos, que cobriria a maior parte das terras baixas. E foi exatamente isso o que aconteceu.

"Por dias antes do dia do dilúvio, a Terra ficou estrondosa, gemendo de dor como; Nas noites antes da calamidade atingir, nos céus, Nibiru como uma estrela incandescência fora visto. "(Isto significa que Nibiru não foi necessariamente visto como um enorme objeto no céu noturno, caso contrário, teria sido mencionado como tal: a metade do tamanho de / tão grande quanto / maior do que a Lua, por exemplo).

E nisso que podemos entender que Nibiru poderia passar despercebido pela maioria das pessoas. De acordo com os comprimidos Sumerianas, Nibiru entra no nosso sistema solar a partir da direção da constelação Leão - o mesmo que cometa Elenin fez.

Nibiru geralmente passa sem causar danos. As tábuas sumérias descreveram um período de cerca de 500.000 anos, ou cerca de 138 órbitas completadas, e só há uma referência a uma catástrofe causada por Nibiru: o Dilúvio).

Pouco antes do dilúvio começar, a maioria dos Anunnaki voltaram para Nibiru, mas alguns deles decidiram ficar. Aqueles que permaneceram, observaram a destruição de seus "barcos celestes", enquanto circulavam a Terra.

"Em seguida, houve escuridão durante o dia, e à noite a Lua como se por um monstro foi engolido. A terra começou a tremer, por uma Super-força (ou seja, a gravidade ou força eletromagnética) antes desconhecido que estava agitado. No brilho do alvorecer, uma nuvem negra surgiu no horizonte. A luz do dia a escuridão mudou. Em seguida, o som de um trovão ressoou, relâmpagos os céus se iluminaram. (...) Naquele dia, no dia inesquecível, o Dilúvio com um rugido começou. "

- Em seguida, as camadas de gelo enormes Pólo do Sul chocou-se contra o outro, quebrou, e caiu no oceano, criando um tsunami gigantesco. As ondas viajaram Norte, em direção às terras do Abzu, que era um domínio de mineração de ouro Anunnaki no Sudeste da África.(Na verdade, a metrópole mais antiga descoberto na Terra está localizado no Continente Africano Sudeste, e é datada de 160.000 para 200.000 aC. As medidas da metrópole são surpreendentes; 1.500 milhas quadradas, é creditado que seja parte de uma milha quadrada de um comunidade 10.000 habitantes que foi construída em torno de milhares de minas de ouro.

Vejam: Metrópoles Extraterrena (Anunnaki) com mais de 200.000 anos, encontrado na África

Monte-Ararat-turkia-local-pousou-arca

(Twin peaks do Monte Ararat, na Turquia de hoje)

A onda continuou Norte, até que chegar e submergir a cidade de Edin (que significa "[a] casa dos justos", foi um dos primeiros assentamentos Anunnaki na Terra. Este também é o Éden bíblico, e ele está localizado em algum lugar na parte inferior do Golfo de hoje persa) e todas as terras habitadas do Anunnaki, juntamente com suas minas de ouro, espaçoportos e cidades. Só uns dos poucos humanos escaparam da inundação; foi Ziusudra (Noé bíblica) e sua família, que tinham sido secretamente instruído por Enki para construir um barco, selado com betume (a fim de torná-lo à prova d'água, mesmo submerso pelas ondas).

Uma grande tempestade com fortes chuvas começaram. O maremoto varreu a Terra por sete dias, até que finalmente chegou a um impasse. Mas as fortes chuvas continuaram durante quarenta dias e noites mais. Quando as chuvas finalmente parou, Ziusudra e Ninagal dirigiu o barco em direção (Ararat Montanhas de hoje, localizadas na Turquia) de onde ainda eram visíveis. Eles foram capazes de encontrar terra seca enquanto se dirigiam para os picos.

Vejam: Os restos do chamado "Arca de Noé", foram na verdade descobertos perto os picos das montanhas de Ararat, na Turquia ;

Ziusudra's-noe-babilonico

Como provavelmente o barco de Ziusudra parecia, de acordo com as descobertas no local.

Este evento teve lugar no Shar 120, terra-ano 432.000 desde o Anunnaki chegaram à Terra.

Mas havia outros seres humanos que sobreviveram ao Grande Dilúvio, não só Ziusudra e sua família. Outro grupo de sobreviventes haviam sido encontrados pelo Anunnaki nas Américas, e eles eram os descendentes diretos de Ka-in (o Caim bíblico), que foi julgado e banido do Edem (o Éden bíblico), depois de matar seu irmão Abael (o Abel bíblico) em uma disputa.

III. A construção de um novo Centro de Controle de Missão (MCC)

Depois do Dilúvio, a reconstrução começou com um novo espaçoporto. O texto descreve como o Anunnaki fizeram seus edifícios de acordo com a posição das estrelas:

Deixe o coração da planície, os céus refletir! Assim como Enlil para Enki sugere. Uma vez Enki a este concordou, Enlil dos céus de distâncias tomou medidas.”Na verdade, as pirâmides do Egito e monumentos estão alinhados com as estrelas !

O site de registros ocultos : " Wayne Herschel, sustenta que todos os 50 pirâmides no Baixo Egito replicam as estrelas de primeira linha em um lado da Via Láctea. Ele também confirma a teoria de Robert Bauval que as três pirâmides principais de Giza conclusivamente representam Orion, no entanto, ele identifica uma nova interpretação de escalas muito diferente da de Bauval.

Se fosse para procurar pistas sobre por que os antigos egípcios representavam apenas um lado da Via Láctea em sua pirâmide estrela mapa, o que se torna evidente é que todas as estrelas, com exceção de uma, não são Sun-like.

estrelas-orion-seguimento-obras-antiguidades

"Concentre-se no padrão de estrelas das Plêiades e sua importante estrela semelhante ao Sol nas proximidades. Esta é uma obsessão compartilhada por praticamente todas as civilizações antigas. "

Observe também a pirâmide inferior esquerda formado pelos "Santíssima Trindade" estrelas e as Plêiades (Perna do touro): é esta a pirâmide "elite" infame com o todo-vendo Olho-ápice?

Além disso, ele não parece coincidência que todos com exceção de um monumento não exibem a forma de pirâmide distintivo. É o obelisco em forma de Sol do Templo de Ra perto de Abusir que exibe este cenário muito original. Acontece que as pirâmides de Abusir representam as Plêiades e que este monumento perto 'sol' pode explicar a razão de todo o mapa estelar.

" Em seguida, Enlil escolheu o local para um novo Centro de Controle de Missão: ali escolheu um monte adequado, chamou-o o Monte de Mostrar o Caminho. “ (ou seja, muito provavelmente, o famoso Monte do Templo de Jerusalém).

Ali ordenou construir uma plataforma de pedras, parecidas mas menores que as do Lugar de Aterrissagem; em seu centro, esculpiu-se uma rocha por dentro e por fora, fez-se para albergar um novo Enlace Céu-Terra.

"Templo de Júpiter" de Baalbek" , no Líbano, onde a residência de Enlil também foi localizado) para ser construído lá ele ordenou ".

Obras Megalíticas dos Anunnaki

templo-de-jupiter-Baalbek-anunaki

Templo de Júpiter, em Baalbek, no Líbano -. Ou Enlil de morada, ou construção romana no topo da plataforma de desembarque, o antigo local de Baalbek abrangeu uma plataforma de pedra pavimentada de cerca de cinco milhões de pés quadrados. Importante notar: Baalbeck significa que a cidade do Mestre ou Senhor, os dois títulos sendo usados ​​pelos humanos para abordar "deuses" Anunnaki.

Antes de prosseguir, devo compartilhar alguns fatos alucinantes sobre o site da Baalbek. De acordo com "engenheiros civis americanos totalmente qualificados e praticantes", o terraço do Baalbek é uma realização surpreendente, por causa do tamanho e peso das pedras envolvidos na sua construção.

A plataforma grande e pátio ainda é retida por três paredes contendo vinte e sete blocos de pedra calcária que não tenham um tamanho igual em qualquer parte do mundo, como cada uma delas pesando mais de 300 toneladas.

terraco-e-monolito-Baalbke

"Um dos três longas megaliths 64 pés no terraço do Baalbek. Observe o homem no canto inferior esquerdo. "

- Três dos blocos, no entanto, pesam cerca de 1000 toneladas cada um. Este trio bloco é o mundialmente famoso" Trilithon ". Considere também o monólito ainda maior encontra-se em uma pedreira ao longo de meia milha de distância das principais Acrópole. Mede cerca de 70 X 16 X 13 pés e pesa um número estimado de 1.200 toneladas. – Baalbek .

monolito-anunnaki-de-Baalbek

(Uma das maiores pedras cortadas na Terra, pesando aprox. 1.200 toneladas)

"Em seu seio uma grande pedra foi esculpida dentro e por fora, para abrigar um novo Porto Céu-Terra”.

Num novo Umbigo da Terra (aka MCC), no papel de Nibiru-ki (ou seja, a cidade de MCC e Enlil original no Shumer; chamado Nippur em acadiano), que existiu antes do Dilúvio para substituir "Com novo corredor de desembarque para os naves vindas do espaço exterior seria necessário: "O Ponto de aterrisagem sobre os picos gêmeos de Arrata no norte seriam ancoradouros. Para demarcar o corredor de aterrissagem, Enlil fez dois outros conjuntos necessários, para delimitar fronteiras, de subida e descida para garantir o corredor de aterrissagem. (...)

Onde foi exigido o segundo conjunto de picos gêmeos, nas montanhas não havia nenhum, apenas uma planície acima, com um vale-entupido de águas que se projetavam dos picos. “ - Uma terra nela podemos levantar !

Assim falou Ningishzidda para os líderes dizem. "Ningishzidda = Filho de Enki, ele era um mestre da genética e de outras ciências. Mais tarde, no antigo Egito, ele seria conhecido como Thoth. Esta seria a razão pela qual eu avisei em ser cauteloso sobre os chamados "Tabletes Esmeralda de Thoth o Atlante" - é apenas mais um engano Anunnaki !

Para a construção dos "Montes Artificiais”, ou seja as Grandes Pirâmides do Egito, o teblete explica:

Sobre uma tabuleta desenhou para eles a imagem de uns picos de lados lisos elevando-se para os céus. Se se pode fazer, seja!, disse Enlil com aprovação. Que sirvam também de balizas!

A seguinte passagem é muito importante, embora possa ser ignorado se descuidado: "Na planície, acima vale do rio, Ningishzidda um modelo em escala construiu.

Os ângulos de subida e quatro lados lisos com que ele aperfeiçoou. Próximo a ele um pico maior ele colocou, seus lados para os quatro cantos da Terra ele fixou; Pelo Anunnaki, com suas ferramentas de poder, eram suas pedras cortadas e erguidas.

Ao lado dela, em um local preciso, o pico que era seu irmão gêmeo ele colocou ".

Se você leu o artigo sugerido na introdução, então você entenderá o quão importante é a descrição de como Ningishzidda alinhou a grande pirâmide com os quatro cantos da Terra. Aqui está um trecho do artigo:

"A orientação geográfica da grande pirâmide, é provavelmente a característica mais surpreendente. Seus lados são quase perfeitamente colocado de NS e EW. É quase perfeitamente orientados sobre o Norte verdadeiro da Terra !

O Norte Verdadeiro é calculado em um mapa, usando as linhas longitudinais e não é o mesmo que o Norte Magnético, indicado pela bússola. "

Os Quatro cantos da Terra

piramides-cristalina-anunnaki

Provavelmente, uma descrição bastante precisa das pirâmides concluídas

A passagem acima dos tabletes também explica como os Anunnaki usaram suas "ferramentas de poder" para cortar e colocar no lugar os enormes blocos de pedra.

Erigir as pirâmides foi provavelmente um pequeno esforço para eles, e como resultado, nós já descobrimos milhares em todo o planeta.

A Grande Pirâmide foi construída para ter "galerias e câmaras de cristais pulsantes". Como mencionei antes, temos muito a aprender sobre cristais, e estou certo de que vamos usá-los para várias finalidades diferentes, em um futuro próximo.

piramides-cobertas-calcario-pelos-anunnaki

Ekur, coberta com pedra calcária branca e sua pedra electrum angular no lugar.

"Quando este pico astuto para os céus aumentou, para colocar sobre ela a pedra angular, os líderes foram convidados. De electro, uma mistura de Gibil (outro filho de Enki, responsável com metalurgia e criador de "artefatos mágicos") formado, foi a Pedra Apex feita. A luz do sol para o horizonte ele refletia, por noite, como uma coluna de fogo que era, o poder de todos os cristais para os céus, em uma viga, concentrou-se. "

De acordo com contas diferentes, as pirâmides tinham sido cobertos em calcário branco, e só podemos imaginar como eram bonitas, brilhando à luz do sol do deserto. Marcus Antonio, um político romano e geral, descreveu a Grande Pirâmide mais de 2.000 anos atrás, como "brilhando como uma joia preciosa", sendo visível a partir de 100 milhas.

A descrição do papel da “Pedra Apex” no meio da noite, pode ser aceita literalmente, e figurativamente, e pessoalmente eu acho que ambos descrição são precisos. Literalmente, a pedra angular foi de alguma forma capaz de emanar a luz dos "cristais pulsantes" de dentro da pirâmide para o céu, e figurativamente, ele também foi usado como um marco GPS, para as naves do Anunnaki do do espaço Anunnaki.

Além disso, as tábuas sumérias descrevem o interior das Grandes Pirâmides:

"Quando as obras astuta, por Ningishzidda projetada, foram concluídos e prontas, os líderes Anunnaki, entraram nos picos gêmeos viram e ficaram maravilhados; Ekur, Casa que, como uma montanha é, nomearam-no, um farol para os céus que era. "(...) "Então Enlil por suas próprias mãos ativou os cristais de Nibiru. No interior, luzes misteriosas começaram a piscar, um zumbido encantador quebrou o silêncio; Lá fora, a pedra angular de uma só vez ficou brilhante, mais brilhante que o Sol ficou. " (Em uma conto separado): "O seu interior ficava com uma luz avermelhada ao céu brilhar."

- Agora temos a confirmação de que a pedra angular não estava refletindo a luz do sol, mas na verdade era para emitir uma luz ainda mais brilhante, uma vez que o aparelho foi ativado. Por isso, a minha suposição anterior (que a pirâmide era usado tanto como um marco visual ou Sistema de Posicionamento Global “GPS”) é provavelmente correto.

Clique nas seguintes duas imagens, a fim de ampliá-las:

mapa-area-diluvio-e-anunnaki

Nota: Os picos mais altos do Monte Ararat, equipados com balizas orientadoras; SE: A localização aproximada do Edin, o Éden bíblico; morada de Enlil e localização do primeiro espaçoporto, depois do Dilúvio; Oeste (inferior): A localização do Centro de Controle de Missão; SW: As grandes pirâmides do Egito, equipados com balizas orientadoras;

anunnaki-locais-de-voo-e-aterrisagem

Trajetória de voo prováveis, como visto de cima os Picos do Ararat, no sentido das Grandes Pirâmides do Egito

V. A construção da Esfinge egípcia

Enquanto o Anunnaki ainda estavam celebrando a construção dos "montes artificiais", Enki ofereceu uma sugestão para seu irmão, Enlil:

"Quando nos dias futuros que serão feitas: quando se perguntarem por quem foi essa maravilha feitas? Vamos ao lado dos Picos Gêmeos criar um monumento, para anunciar a Era do Leão, A imagem de Ningishzidda (mais tarde conhecido como Thoth), desenhista dos picos, deixemos seu rosto ser retratado, Deixá-lo precisamente num local olhando as carruagens celestes. Quando, e por quem, e de sua finalidade deixemos-lo para as gerações futuras revelar ! " Enlil concordou com a sugestão e decretou a Enki: “Deixe-o leão olhar, virados para o leste, precisamente, e a imagem de Ningishzidda com deve ser !”

A Esfinge e a face Anunnaki

piramide-e-esfinge-anunnaki

(Ekur e o Leão com o rosto de Ningishzidda (reprodução artística))

Marduk, filho primogênito de Enki e seu herdeiro legal, ficou furioso da decisão de seu pai e tio. Ele exigiu que sua imagem é que deveria ser esculpido no rosto do leão, porque as pirâmides foram situado em seus domínios.

Este agitada cobrou outros Anunnaki para pedir mais domínios e escravos humanos, e assim no futuro tais cerimônias estavam prestes a degenerar.

Ninmah, uma meia-irmã de Enki e Enlil, interveio e propôs uma distribuição equitativa de terras e escravos humanos, entre os anunnakes no poder. A proposta acalmou todos até o momento, mas acabou levando a muitas guerras infames, desta vez reconhecido por nossa história. Marduk recebeu as terras conhecidas por nós hoje como o Antigo Egito, onde mais tarde foi adorado como Ra.

deus-ra-anunnaki

VI. Resumo dos eventos que se seguiram

Os próximos capítulos são longos e não fortemente relacionado com o tema principal deste artigo, por isso vou fazer um pequeno resumo do que aconteceu a seguir:

- Marduk (Ra) substituiu a face (de Thoth) do Ningishzidda do monumento do leão. - Marduk perdeu a primeira guerra das pirâmides (aka a grande guerra dos Anunnaki) e foi para o exílado. Ele se tornou conhecido pelos egípcios como Amon Ra, que significa "o deus exilado, Ra". Enki e Enlil dividiram a Terra entre os seus outros filhos. - (Filho mais importante de Enlil, por parte de mãe e a meia-irmã de Enlil, Ninmah que foi a sucessora legal de Enlil) Ninurta foi comemorado como vencedor após derrotar Marduk.

triunfo-deu-Ninurta-piramide

- Ninurta, depois, criou instalações espaciais alternativas nas Américas. (Leia-se: Nome da América derivado do AMARUCA peruana - provas sólidas); - (Rei de Nibiru nos últimos ~ 500 mil anos) Anu decidiu vir para a Terra mais uma vez, mas acompanhado de seu cônjuge, Antu. O Anunnaki debateram muitos planos para o futuro, incluindo a forma de manter a humanidade obediente.

- Para celebrar a segunda vinda Anu à Terra, uma nova contagem de anos foi estabelecido pelo Anunnaki.

- Perdoado por seu avô Anu, Marduk permaneceu rebelde e mais tarde usurpado um sitio, planejava construir uma torre de lançamento ilícito. Frustrado pela enlilitas, ele também expulso da Segunda Região.

- Ningishzida, que era conhecido no Egito como Thoth, foi deposto por seu irmão, Marduk. Levou consigo seguidores e voou para as Américas.

- Marduk declarou-se Ra, o deus do sol, e substituiu o calendário lunar / Lunar utilizado pelo outro Anunnaki, com um novo, baseado no movimento do sol. Ele também fundou uma nova religião, na qual ele era adorado como um deus, e o único soberano da Terra - o que muito preocupou e chateou chateado outros Anunnaki. Ele é a pessoa que introduziu o reinado faraônica, com a intenção de marcar o início de uma nova civilização.

- Pela primeira vez, semideuses (metade Anunnaki e híbridos meia humanos) governaram como reis na Terra. Eles também serviram como sacerdotes em palácios e templos. Eles são hoje conhecidos como Reis, e governam a humanidade em nome dos Anunnaki desde então.

- Enki era conhecido como Ptha no Egito, o que significava "O desenvolvedor", que materializou sua grandeza em restabelecer a civilização depois do Dilúvio.

- Os Anunnaki eram conhecidos como "Neteru" no Egito, que significa literalmente "Os Guardiões Observadores”.

- Marduk proclamou a vinda Era do Carneiro como o seu sinal e exigiu a liderança da Terra. Ningishzidda começou a construir observatórios de pedra para provar o contrário (isto é claramente uma das razões para algumas das dezenas monolíticos observatórios de pedra erguidas em todo o planeta, em todas as principais culturas).

- Marduk construíu Bab-Ili (Babilônia) na Mesopotâmia, que significa literalmente "a entrada dos Deuses". Exércitos levantaram-se por seu filho, Nabu, que tentou tomar o espaçoporto Anunnaki. Sob o comando de Enki, o Anunnaki decidiu usar as armas de Terror (semelhantes de armas nucleares de hoje).

- Ninurta e Nergal obliterado o espaçoporto e os "pecadores" cidades com armas nucleares. A nuvem nuclear deriva trouxe a morte a todos na Suméria.

- Bab-Ili estava entre os poucos lugares que sobreviveu à calamidade, assim Enki viu isso como um presságio da inevitável supremacia de Marduk. Finalmente, Enlil aceitou a supremacia de Marduk e retirou-se para as terras distantes.

Os Anunnaki nas Américas

Aparentemente, este capítulo não foi fortemente ligado ao assunto principal, mas a minha intenção era mostrar que figuras importantes Anunnaki foi para as Américas, onde construíram novas instalações espaciais (provavelmente incluindo pirâmides também).

Esta é uma evidência importante que as grandes civilizações mesoamericanas e sul-americanos (olmecas, toltecas, maias, astecas, incas) também tinha sido estabelecida pelos Anunnaki.

Relatos históricos importantes foram as mesmas que as dos sumérios: a história da criação; falam de deuses que voavam em suas maquinas e vieram das estrelas á terra; a história de deuses revelando grandes conhecimentos para os seres humanos; a prática do sacrifício humano e animal em nome de seus deuses; semideuses que serviam como reis e sacerdotes; adorando rituais; conhecimento surpreendente das estrelas e da passagem do tempo; incrivelmente preciso e calendários complicado; finalmente, eles tinham o conhecimento para construir dezenas de pirâmides e estruturas megalíticas nas Américas.

Mas uma das conexões mais surpreendentes, pelo menos para mim, é o nome de Ningishzidda nas Américas, de acordo com os sumérios. Ele era conhecido como ... prepare-se ?... a Serpente Alada! Será que conseguiram entender ?

Todas as grandes civilizações mesoamericanas adoravam o mesmo Deus. Os incas chamavam de Viracocha, os astecas Quetzacoatl, o quiché Maya Q'uq'umatz, e os toltecas e Mayas Kukulcan. Seu nome significa a mesma coisa, em todas as culturas: a "Serpente Emplumada" - o que significa que ele possuía a habilidade de voar! - Leia mais ;

Minha conexão final refere-se a história de como os deuses da Mesoamérica voltaram para as estrelas em seus veículos voadores, assim como aconteceu em todas as principais culturas. E desde que eu mencionei os veículos voadores dos deuses ...

VII. Os veículos voadores do Anunnaki

Aqui está como Endubsar, escriba de Enki, descreveu um dos ofícios que voam do Anunnaki:

"Eu olhei para cima e eis que um vento tempestuoso vinha do sul. Havia um brilho avermelhado sobre isso e ele não fez nenhum som. E como ele chegou ao chão, quatro pés direitos espalhou-se a partir de sua barriga e o brilho desapareceu. E eu me joguei no chão e prostrei-me, pois eu sabia que era uma visão divina. "

descricao-sumerios-anunnaki-voando-suas-naves

(...) "O torvelino levantou-se como uma carruagem de fogo e foi embora. (...) Ele me carregou rapidamente entre a Terra e os céus, como a águia voa. E eu podia ver a terra e as águas, e as planícies e as montanhas. "

Ra-deus-egipcio-anunnaki

Representação Papiro egípcio da chegada de Ra (Marduk) na Terra em um disco voador. Definitivamente um famoso “Torvelino”Anunnaki .

O Anunnaki usaram os chamados "Torvelinos" para voos dentro da atmosfera da Terra. Os chamados "Barcos Celestes" eram projetados para maiores do vôos, que podiam acolher vários torvelinos. Os barcos celestes também foram usados ​​para viagens espaciais (semelhante ao conceito de uma Nave Mãe).

Os barcos celestes tinha sido usado pelo Anunnaki para viajar para Nibiru, mas também tinha sido usado pelos Anunnaki pioneiros no tempo do Dilúvio. Por todo o período, eles foram capazes de permanecer no ar em seus barcos celeste, que não requerem qualquer tipo de combustível. Finalmente, o terceiro modelo de naves voadoras dos Anunnaki, foram semelhantes ao conceito de um foguete, e foram usadas para enviar o ouro refinado da Terra para as bases Anunnaki em Marte.

VIII. As bases marcianas dos Anunnaki

Durante as missões Viking da NASA de 1976, as sondas Viking 1 e 2 tomou fotografias aéreas de superfície de Marte. Em uma área que agora é conhecido como o "Complexo Cydonia", as sondas tiraram algumas fotos muito controversas, que consiste em um cara humanoide grande e detalhada, do tamanho de uma pequena montanha, e várias estruturas piramidais nas suas proximidades.

face-esfinge-de-marte-alalulu-anunnaki

Original 1976 'Face de Marte em' imagem, a partir da Viking Orbiter. Crédito: NASA

A NASA, é claro, apressaram-se a negar a possibilidade de qualquer outra coisa do que uma formação rochosa natural, afirmando que a semelhança com um rosto humanóide é nada mais do que uma ilusão de ótica. A segunda foto liberada, de uma área mais vasta, foi ainda mais controversa, porque havia também um complexo piramidal visível, e o que parecia ser as ruínas de uma cidade antiga.

A identidade da face de Marte

face-e-piramide-sidonia-anunnaki

A cara e a "Cidade de pirâmides" da Viking 1 - 25 de julho de 1976. Crédito: NASA

- Mesmo na cor preto e branco, para o olho destreinado, as semelhanças com pirâmides visto de cima e um rosto humanoide são impressionantes.

Segundo o autor Wayne Herschel, as pirâmides marcianas são uma réplica das Plêiades:

conexao-Cydonia-e-Pleiades-anunnaki

Mars - Pleiades Connections. Crédito: Wayne Herschel

As bases permanentes Anunnaki construídas em Marte, como prometi na introdução, agora vou continuar a história sobre o "exílio de Alalu", e fazer as ligações necessárias.

Depois de sentenciar Alalu morrer sozinho no exílio, Anu continuou:

"Nem na Terra nem no Nibiru será o exílio!, disse Anu. No trajeto, está o planeta Lahmu (Marte), dotado com águas e atmosfera. Enki, sendo Ea, deteve-se ali; a respeito dele estive pensando para uma estação de passagem. A força de sua rede é menor que a da Terra, uma vantagem que terá que considerar sabiamente. Alalu será levado no carro celestial, quando eu partir da Terra, ele fará a viagem comigo. Daremos voltas ao redor do planeta Lahmu, proporcionaremos a Alalu uma câmara celeste, para que nela descenda ao planeta Lahmu. Só em um planeta estranho, exilado estará, Para que conte por si mesmo seus dias até seu último dia! "

- Anzu foi o piloto da nave espacial designada para Anu em seu caminho de volta para Nibiru. Ele decidiu "fazer seu nome" e ficar com Alalu em Marte até sua morte. *** *** *** Como já mencionei antes, para a viagem espacial a Anunnaki usaram os chamados "carros celestes", que eram grandes naves espaciais. Há muitas referências em suas contas de como os carros espaciais foram influenciados pela força gravitacional (ou, como estudos recentes sugerem alternativas, força eletromagnética) dos planetas. O que significava, que estes ofícios não eram veículos "anti-gravitacional", que são totalmente não afetado pela gravidade.

(As alegadas naves de nossos programas espaciais reais sugerem, atualmente temos naves espaciais muito avançadas, bem como, que são capazes de criar e "ride", assim chamado, "ondas anti-gravitacionais". Este conceito é semelhante a um surfista que monta uma onda. E é lógico que este tipo de embarcação tem limitações quando se trata de entrar dentro da atmosfera de um planeta, porque não é protegido por uma "bolha anti-gravitacional".

Por exemplo, mesmo o mais avançado do vaivém em orbitas espacial da NASA , a descoberta SS, enfrenta sérios desafios quando reentrar na atmosfera da Terra. Ele precisa entrar em um determinado ângulo e a uma certa velocidade, caso contrário ele iria quebrar em pedaços. Por exemplo, em 2003, o orbitador Columbia rompeu-se durante a reentrada, ao longo do Texas - todos os sete astronautas morreram).

*** *** *** A filha de Anu, Ninmah, que era um médica, foi enviado à Terra. No caminho, ela pousou em Marte, onde Anzu lhe informou da morte de Alalu. Ele encontrou uma caverna no interior de um grande rocha e enterrado o ex-rei de Nibiru lá. Alalu governou seu planeta natal para 9 Shars = 32.400 anos terrestres.

Pela primeira vez em nossos anais, um rei não morreu em Nibiru, não sobre Nibiru estava ele enterrado. Assim fez Ninmah dizer. Deixe-o em paz para descansar a eternidade ! “

E agora, aqui é a parte mais interessante!

Voltaram a cobrir a entrada da cova com pedras; sobre a grande montanha rochosa, esculpiram com raios a imagem de Alalu. Mostravam-lhe levando um capacete de águia; deixaram o rosto descoberto. Que a imagem de Alalu olhe para sempre para Nibiru que governou, para a Terra cujo ouro descobriu!.

- A Weekly World News publicou ESTA Reprodução Artística do Chamado Cara de Marte:

face-Alalu-em-marte-anunnaki

(Reprodução Artística da tumba de Alalu e Rosto)

Quanto a ti, Anzu, Anu, o rei, manterá a promessa que te fez! Permanecerão aqui, contigo, vinte homens, para que comecem a construir a estação de passagem; as naves espaciais da Terra entregarão aqui o mineral de ouro, carros celestiais transportarão depois, daqui, o ouro até Nibiru. Centenas de homens farão sua morada no Lahmu, você, Anzu, será seu comandante! Assim disse ao Anzu a Grande Dama, em nome de seu pai Anu.

- Isto é, como, a Construção de bases permanentes em Marte começou. Seiscentos Anunnaki vieram para à Terra de Início. Os Segundos eram chamados de Igigi (heróis). Os Anunnaki passaram a enviar ouro refinado da Terra para Nibiru, através da base de Marte.

De um a Acordo com Tábuas sumérias, Como o Igigi deixou Marte na Época do dilúvio, e nunca mais voltaram, grande parte deles vieram para a terra, rapitaram muitas mulheres primitivas e a tomaram como esposas, numa personificação aos Nephilins da bíblia.

Na passagem de Niribru que causou dilúvio, a força gravitacional de Nibiru fez atmosfera e Águas de Marte "Escaparem" para o Espaço, portanto, Tornando o planeta impróprio para a Vida como conhecemos hoje !

Esse post para mim veio a fechar para muitos, muitas dúvidas e conclusões sobre o passado remoto de nossa humanidade, assim com alguns de seus mistérios.

Fontes: HumansAreFree.com;

Notas: Valter J.Amorim (Aquárius 2036)

Referências:

1. "O Livro Perdido de Enki "Zecharia Sitchin pelo Site oficial;

2. Wayne Herschel de "Registros ósmio Ocultos" e Livro locais ;

3. do site da NASA;

4. Wikipedia;


Postagens Relacionadas:

Os Egípcios não Construíram as Pirâmides ! (Provas e Evidências Alienígenas)

A Origem de Lúcifer e o Mito Anunnaki

A foto da Mulher Anunnaki e nossas Origens Extraterrenas

Puma Punku: Avançada Civilização e Colônia dos Anunnaki nas Américas ?

1 comentários:
  1. Na verdade os responsáveis pelo sistema de pirâmides ao redor do mundo é a Confederação Galáctica. O construtor da Pirâmide de Gize foi Ra, um complexo de memória social da sexta dimensão ou densidade. Junto com outras entidades ele "materializou" o construto a partir de formas-pensamentos.Isso ocorreu a aproximadamente 6035 anos atrás. Paz, amor e luz a todos.

    ResponderExcluir

Fica-se aos leitores cientes de que algumas postagens, principalmente do Administrador, Valter J.Amorim, estão sujeitas á alterações ou atualizações, de informações !