Digite seu E-mail:

Assine o Feed

Ex-soldado do Exército é curado por Extraterrestres

“Não existem somente ETs maus”

alienigenas-que-curam

É surpreendente encontrar histórias como esta escondidas por baixo do tapete da ação humana oficial.

Um rapaz após 14 anos de sofrimento por um acidente que lhe fraturou a coluna dorsal no exercito é curado de forma milagrosa por entidades humanoides.

O rapaz à época, em 1991 com 22 anos, foi convocado para prestar o Serviço Militar Obrigatório Inicial mesmo considerado ”refratário” por ter idade superior à exigida : 18 anos.

curado-por-alienigenas

Marcos Costa Lopes nos dias de hoje, com 35 anos e uma de suas obras de arte

Marcos Costa Lobo foi admitido na 03º Brigada de Infantaria Motorizada sediada no município de Goiânia – no estado de Goiás/Brasil – naquele ano e de imediato recebera instruções – mesmo ainda sendo o que os militares chamam de ”conscrito” – de que deveria participar dos treinamentos especiais para combater na guerra do Golfo Pérsico, empreitada pelo governo dos Estados Unidos.

Naquele período já se faziam dois anos consecutivos que o conflito armado internacional naquela região dos países árabes havia iniciado. O Exército Brasileiro corria o risco de enviar um bom contingente e teve que iniciar preparativos para este fim. Futuramente foi-se apenas realmente empregado alguns pelotões do estado do Rio de Janeiro, mas a preparação foi feita por pelo menos 70% da força nacional.

O Soldado Lobo, como veio a ser batizado por nome de guerra, foi duramente espancado nas instruções de combate. Os oficiais exigiam este tipo de expediente pois a tropa iria enfrentar os maiores horrores e precisava estar em condições de suportá-lo, assim como de atingir níveis psicológicos que permitissem abater o inimigo com facilidade.

No que pôde-se chamar de ”instrução de combate”, ele veio a receber uma pancada crucial na coluna dorsal vindo a quebrá-la. Seguidamente e ao mesmo tempo em que encontrava-se ferido, uma bomba supostamente de ”morteiro” explodiu próximo fazendo com que os estilhaços o atingissem também.

curado-por-entidades

Matéria publicada no JORNAL DIARIO DA MANHÃ da cidade de Goiânia/GO, em 10/07/1999

Estava então a partir daquele instante, dado inicio aos seus longos anos de sofrimento. O Exército Brasileiro custou a identificar o estado de saúde daquele soldado como grave. O médico que atendia naquele momento apenas o receitou um analgésico para controlar a dor e seus superiores o colocaram em regime normal de trabalho pois não reconheceram – assim como o médico – os danos que havia sofrido a coluna do rapaz.

alienigenas-cirurgias

Matéria sobre o caso publicado no JORNAL OPÇÃO em Março/1999

Somente após terem inicio os sintomas de perda de coordenação motora das pernas, é que foi finalmente encaminhado ao Hospital Geral de Brasília – hospital especializado do exército – para um tratamento adequado. Apesar de que o próprio hospital lhe escondeu informações como a biópsia da mancha escura que nasceu em suas costas no local da lesão.

A mancha não desaparecia mais e nenhum médico oficial dizia ao certo o que estava se passando ou qual era o procedimento correto a ser empregado para sanar o avanço da mesma e curá-la. A suspeita desta vítima era a de que havia sido contaminado por algum estilhaço de uma suposta bomba com agentes químicos ou material contaminado usado para desferir-lhe o golpe que o atingiu.

Quatorze longos anos se passaram e muitas reportagens a respeito do que vivia foram feitas.

Até chegar o ano de 2005 onde em meados do mês de outubro em sua casa, agora já casado e pai de quatro filhos, estava à beira de um fogareiro esquentando água numa lata e nela se formar uma imagem perfeita de Nossa Senhora.

Foi mais um fato em sua vida, pois já vivenciara quando garoto e em alguns supostos sonhos a aparição de seres e vultos luminosos que vinham ao seu encontro onde até atravessavam as paredes.

A questão toda não se foca apenas neste momento da aparição da imagem de Nossa Senhora numa lata queimada, mas o que se deu na noite seguinte.

O agora ex-soldado Lobo encontrava-se semi-encostado no sofá da sala de sua casa naquela noite, com as faixas do curativo como sempre enroladas em sua cintura para conter o sangramento e secreção constante do ferimento que há 14 anos não sarava e fazia somente aumentar de tamanho, quando algo o chamou a atenção : Uma luz apareceu à frente e veio em sua direção. Era um vulto brilhante que tinha a forma humana com uns 2,0 metros de altura e que naquele momento flutuava sobre o piso da sala na sua direção. Lobo não se assustara pois como dito anteriormente, já possuía algumas experiências neste sentido inclusive herdadas de seu falecido pai que estudava a fundo o fenômeno OVNI e sempre fazia questão de mostrar alguns eventos para o mesmo.

O ser de luz aproximou-se até junto de Lobo causando-lhe neste momento uma sonolência repentina mas que o fez projetar-se de seu corpo – o espírito, digamos – e ver o que estava acontecendo numa outra condição – digamos – dimensional. O que ele conseguiu explicar para nós do Portal Ufo-Gênesis foi que ele inexplicavelmente conseguiu assistir de fora o que acontecia com seu corpo físico e daí o que deduzimos ser uma ”projeção do espírito/alma”. O ser de luz agora já se encontrava num formato físico que podia-se defini-lo como sendo um individuo alto e esguio, cabeça desproporcional ao corpo, olhos grandes e amendoados, nariz e boca pequenos e a pele lisa.

Ele estava acompanhado de mais um com a sua estatura e outros dois com a mesma característica, mas pequenos com no máximo 1,50 metros de altura. Este quarteto manipulava as costas do corpo deitado de Lobo e um deles disse-o : ”…não tenha medo, não vai doer nada.” _Disse esta pequena frase num tom de voz muito suave e acomodador.

Após fazer um gesto como o da retirada do ferimento, disse novamente : ”…você viu como não doeu nada?” Após este momento, a testemunha não se recorda de mais nada pois sofreu um apagamento repentino vindo a acordar pela manhã com o sol já claro. E o mais interessante : ”deitado no sofá”. Fato que não podia fazer há muitos anos por causa do ferimento que não lhe proporcionava condições para encostar-se totalmente nem mesmo em sua cama.

 rapaz-curado-extraterrestres
Este é o estado em que se encontravam as costas do ex-soldado do exército brasileiro, em Junho/2005, após cerca de 14 anos de sofrimento em busca de tratamento para uma lesão desenvolvida num treinamento militar para combate na Guerra do Golfo (1991)

Assustado por ter-se encontrado assim e temendo ter ampliado mais ainda a enfermidade, logo imaginou ter molhado de sangue o sofá e toda sua roupa. Espantou-se em ver que nada do que imaginava ocorreu e incrivelmente sentia-se melhor naquela manhã como se nada de mau há muito não o acometia.

As faixas de uso, são trocadas diariamente mas algumas de contato direto com o sangue e secreções não são fáceis de substituir porque unem-se à uma camada de casca que normalmente se forma nas bordas do mesmo. Naquela manhã, sua esposa que toma as vezes de enfermeira, não notou nada de estranho pois não chegara a ver a pele por baixo do curativo e o trocara somente até onde podia.

Seis dias após esta experiência – digamos – de outro mundo, uma consulta no Hospital Geral de Brasília fora conseguida a muito custo por conta das insistentes matérias jornalísticas que acusavam o Exército de omissão e descaso. A intenção era fazer uma raspagem à laser na lesão na tentativa de cicatriza-la. Lobo apesar de estar sentindo-se bem e até conseguir fazer alguns esforços que antes não conseguia e inclusive se encostar na cadeira sem sentir as comuns dores, foi até o referido hospital.

O espanto estava nos olhos dos médicos que já conheciam o caso de longa data: Ao retirarem a totalidade das ataduras após uma demorada limpeza, não encontrarem absolutamente nenhuma lesão que indicasse ali ter havido qualquer dano.

Um milagre havia acontecido !

A pele que recobria os músculos das costas estava intacta e sem nenhuma indicação de intervenção cirúrgica ou cicatrização. A impressão era de que ali nunca fora alvo de nenhum agente agressivo.

 cura-espirituais-extraterrestres
Aqui estão as mesmas costas da foto acima, fotografada em 19/01/2006. Não há sinal de lesão alguma

A equipe médica indagou ser aquilo uma brincadeira e os oficiais superiores que também acompanhavam o caso questionaram sobre o fato de este ex-soldado ter aprontado alguma contra tais.

O fato é que nem mesmo este rapaz com atuais 35 anos, podia acreditar neste verdadeiro sonho que agora faz questão de mostrar para o mundo.

Uma coisa que Marcos Lobo aprendeu por força da situação, foi a ”arte da escultura”. Ele desenvolveu uma técnica de criação composta por uma fórmula especial que seu pai o ensinara e que possibilitava fornecer alta durabilidade nas suas peças, quais forem. Ele ficou famoso também por esta capacidade que lhe rendeu muitos elogios e uma terapia que o ajudou a suportar o sofrimento que passara.

 marcos-lobo
Publicação em que mostra os trabalhos desenvolvidos por Marcos Lobo

 rapaz-curado-por-humanoides
Segunda parte da reportagem que expõe os trabalhos artísticos do ex-soldado do exército Brasileiro ferido num treinamento de guerra

Isto, somado ao que vivenciou com relação ao fenômeno OVNI, lhe incentivou a valorizar a vida e tudo que nela está contido : a natureza, as pessoas e os animais. Hoje como sempre, empenha-se em transmitir a mensagem de Paz e Esperança às pessoas através da reprodução de sua experiência.

Lobo quer provar ao mundo que não estamos sós e que estamos realmente guardados por uma força muito maior e benévola. Ele quer mostrar que não existem somente criaturas terrestres e não terrestres más, como muitos insistem em divulgar. Ele quer mostrar que existem aqueles que sempre nos protegem e querem o nosso bem, em troca somente daquilo que pudermos fazer de bom para o semelhante e para o universo. Ele quer ser mais uma prova e um ajudante na disseminação do amor pelo mundo, que neste momento nem mais sabe o seu significado dada a quantidade de violência e ódio que prosperam na sociedade e nos lares de todo o planeta.

 Marcos-lobo-E.ts
Marcos Costa Lobo dia 18/01/2006 as 20h00´s em frente aos estúdios do complexo Anhanguera do SBT logo após ter sido expulso na tentativa de falar com a antes contatada produção do Programa Domingo Legal

Pensando nisso e como forma de mostrar sua experiência, conseguiu contato com a equipe de produção do programa ”Domingo Legal” – do SBT – para exibir seu trabalho de artista plástico oferecendo uma destas peças artísticas em homenagem ao apresentador ”Gugu Liberato”. Acordada sua ida à São Paulo para este fim com a produção do programa, após levantar patrocínio da operadora de turismo ”The Best – http://www.thebest.tur.br – e da ”Centrais Elétricas de Goiás” – http://www.celg.com.br – para a passagem de ida, embarcou dia 17 rumo ao SBT.

Parece que o destino lhe preparou mais das suas. Já no aeroporto de Congonhas, enquanto providenciava o transporte e alguns outros contatos, ”foi assaltado”. Sua bagagem, carteira e anotações com telefones de referência foram levados. Mesmo assim com muito custo, conseguiu apoio da empresa Aérea TAM – http://www.tam.com.br – na pessoa da supervisora Hélem para conduzi-lo até a porta da emissora num taxi (restava-lhe apenas a peça de arte que não foi levada mas era pesada para o transporte convencional de coletivo).

A decepção maior ainda estava por vir. Na portaria do SBT no complexo da Anhanguera, ninguém da produção pôde entender o que se passava e uma das tantas a quem lhe foi conduzida acabou por tratar-lhe mau pedindo para que se retirasse do estabelecimento. Agora estava completa a situação : sem dinheiro, sem alimentação, sem muda de roupa e sem rumo é que foi encontrado pela equipe de nosso Portal que tentou sem êxito um contato com alguém da TV que pudesse lhe receber ou ao menos ficar com o presente para ”Augusto Liberato”.

Marcos Costa Lobo deixa aqui seu triste relato como alternativa para o que inicialmente previa, na esperança de ao menos conscientizar os que frequentam e acompanham o Portal Ufo-Gênesis.

Marcos Costa Lobo (Goiânia-Go)

Comentário Aquárius

Para muitos podem pensar até ser um absurdo e um história sensacionalista inventada pelo rapaz para quem sabe se promover !

Más fato semelhante ocorreu com minha esposa, vítima de uma queda onde tempos depois em sua cabeça foi notado um afundamento de crânio, e possivelmente a causa das horríveis dores de cabeça ao que lhe acometiam desde muito tempo.

Um dia durante o seu sono a noite, sofreu o processo pelo que parece induzido do desdobramento astral, onde pode ver o que ocorria em seu corpo físico; havia duas entidade ao lado de seu corpo, não humanoides, más sim humanas: um homem e uma mulher vestido de branco ao qual pediram para que ela pronuncia-se a palavra “glândulas”, enquanto depois lhe empurravam de volta ao seu corpo físico.

Tempos depois ao passar por um raio x da cabeça, seu médico lhe mostrou uma das chapas e mesmo ela negando, ele insistia que ela havia passado por uma cirurgia de algum tipo, pelas cicatrizes internas que ali haviam.

Sabemos pelo estudo do espiritismo que não somente no plano espiritual ou através de tratamentos em casa espíritas isso é possível, pois espíritos tarefeiros sempre estão a executar seus serviços de amparo aos homens e necessitados até de forma discreta,  sem ao menos receberem um mínimo de gratidão de seus protegidos e da sociedade.

Pois fazem com todo o desinteresse na obra do Senhor, justamente como ele indicara; sem vistas a retribuições ! 

E essa dádiva é sempre dependente do merecimento de cada um .

Abraços !

Valter J.Amorim (Aquárius 2036)


Postagens Relacionadas:

Inédito: Meteoro na Rússia foi explodido por um UFO

Os E.T.s estão cuidando de nós ?

O Mistério do Stargate no Golf do Eden e a Volta dos Deuses em 2012

O uso de Armas de procedência alienígena nos anais bíblicos e nas histórias de outros povos

0 comentários:
Postar um comentário

Fica-se aos leitores cientes de que algumas postagens, principalmente do Administrador, Valter J.Amorim, estão sujeitas á alterações ou atualizações, de informações !