Digite seu E-mail:

Assine o Feed

Judas e Paulo - Dois exemplos de Exús a serviço do Cristo

Exús e Guardiões a serviço do Cristo

paulo-judas-exus-cristãos

O apóstolo Paulo, sob a visão de muitos, chega a ser até mesmo o anticristo, por suas palavras e muitas ações dentro do contexto cristão histórico onde foi inserido sua vida, assim como também a Judas, ao qual Jesus o havia citado como o próprio Diabo, que o trairia.

Como a misericórdia divina é promissora para aqueles que desejam se arrepender de suas obras, mesmo sendo a alma ainda inferior em sua essência, vamos aqui tratar de um assunto novo, e interessante, harmonizando cada coisa em seu lugar, que no caso aqui, nada mais é do que a própria índole humana, perante aos tema “ salvação” e ao estado erraticidade definido pela revelação espirita.

Vamos aqui dar um parecer sob o ponto de vista transcendental, do que na verdade representou eles, para os interesses divinos no processo de redenção de almas sob a qual se engloba a visão de que tudo está no controle de Deus e até mesmo nas trevas impera a luz.

Os Anjos e suas ascendências

arcanjos-guerreiros

A concepção humana sob o ponto de vista do anjos e sua pureza ainda se baseia em ideias meias distorcidas, pois anjo significa mensageiro, e isso não denota sua ascendência espiritual, sendo alguns mais poderosos que outros.

Um espírito da terra (planeta), pode ser um anjo, tendo seu poder limitado em comparação àqueles que habitam mundo superiores de ou dimensões superiores.

Os espíritos que habitam estes mundo possuem uma pureza tão excelsa, que só expressam o amor em suas mais sublimes essência, e jamais Deus os-utilizariam para trabalhos mais grosseiros, como por exemplo: mentir ou castigar alguém.

“E ele disse: Eu sairei, e serei um espírito de mentira na boca de todos os seus profetas. E disse o Senhor: Tu o persuadirás, e ainda prevalecerás; sai, e faze-o assim.” (2 Crônicas 18:21)

Essas missões são incumbidas á outros espíritos sintonizados nessas obras, ou seja; não tão puros assim.

Anjos Guerreiros

anjos-guerreiros

“E o rei, tendo notícia disto, encolerizou-se e, enviando os seus exércitos, destruiu aqueles homicidas, e incendiou a sua cidade.” (Mateus 22: ao 22: 14)

- E essa parábolas das bodas, está se referindo a queda da nação judaica, e do nascimento e ascensão do cristianismo na terra, marcada pela grande tribulação judaica, com o fim do antigo reino de Israel.

Muitos acreditaram que Jesus estava se referindo aos anjos, que nesse dia final seriam enviados a terra para destruir os inimigos de Deus, mais na verdade Jesus estava se referindo ao exercito romano, denominado de assolação da desolação. (Mateus 24:15 e Daniel 9:26)

Ver: A Grande Tribulação Já Ocorreu ?

A Espada do Senhor

“Filho do homem, profetiza, e dize: Assim diz o Senhor: dize: A espada, a espada está afiada e polida.” (Ezequiel 21:9)

espada-do-senhor-deus

Seguindo esse mesmo raciocínio, a divindade utilizou nações turbulentas e experientes nas guerras e viciosas para fazer a justiça trazendo castigo a seu povo (Israel) no passado, como exemplo a própria babilônia, que segundo as escrituras era sua espada, assim como Roma tempos depois.

(Jeremias 10:22,Jeremias 6:8, Jeremias 1:15, Jeremias 4:6), assim também como foi requerida mais tarde a justiça sobre outras nações.

“babilônia era um copo de ouro na mão do SENHOR, o qual embriagava a toda a terra; do seu vinho beberam as nações; por isso as nações enlouqueceram.” (Jeremias 51:7)

Como da mesma forma usou outros povos para depois castigar a babilônia, e assim por diante (Jeremias 51:49 e Isaías 13:17).

Exemplificando essa visão, de como Deus muitas vezes neutraliza o mal, usando seres experientes para isso, temos um bom exemplo em dois filmes que por coincidência são do mesmo autor Robert E. Howard, mais denota essa mesma ideia.

exus-conan-solomon-kane

- Conan o Barbaro de 1980 – com Arnold Schwarzenegger

- Solomom Kane de 1990  - com James Purefoy

Os guerreiros dos Senhor

No astral inferior e regiões abissais, os espíritos malignos se aglomeram-se criando cidadelas, cidades e nações, que são comandadas pelos Magos Negros, a serviço dos Dragões (Legiões Luciferiana)

guardiões-exús-guerreiros

As forças da luz sempre estão frustrando o planos das trevas, e em muitas destas batalhas, muitos de seus generais e conluios são castigados pelas falhas duramente, pois servir o mal somente tem um preço; o próprio MAL !

Muitos passam a entender isso pela dor e quando se arrependem de verdade, pela mudança de seus padrões vibratórios, abrem guardas sem saberem para que as forças do bem ajam em seu favor. Nesta hora são resgatados destas regiões, mais velamos aqui que nem todos os casos são iguais.

Não possuindo vibratóriamente a essência sutil, para habitarem regiões mais paradisíacas por suas índole apegadas ainda as paixões, são usados pelos mestres maiores nessa região umbralina ao qual habitamos, como guardiões para impedir as ações dos trevosos na superfície, num estado conhecido de erraticidade, período estacionário entre uma encanação e outra.

Os Guardiões do Astral

exús-guardiões

Esses guardiões organizam-se em legiões, e os maiores por suas evoluções e por seus poderes, se competem na liderança dos trabalhos pelas falanges.

São eles que protegem as entradas de igreja, e de vários templos religiosos, ruas, assim como os diversos missionários do bem encarnados na terra, e fiéis por ordem dos maiorais da espiritualidade maior a serviço de Jesus.

Como os “caveiras”, que são responsáveis pelos cemitérios, onde os Magos Negro, com seus exércitos sempre procuram invadir para o roubo de ectoplasma que existem nos corpos recém decompostos, para suas macabras experiências.

Esses combatentes do bem, guerreiros, cavalheiros, templários, policiais desencarnados e outros que possuem grande evolução em muitos casos, mais com resquício das paixões ainda na alma, na literatura das religiões afro, são chamados de Exús, e no espiritismo de guardiões.

guerreiros-exús

Os Exus não são deuses, nem entidades que devem ser idolatradas, como muitos fazem, os caracterizando como sendo uma espécime espiritual não humana desencarnada. Muitas destas entidades estão em contato com energias densas pelos combates em permanecias nas regiões trevosas.

Quando alguns se manifestam em algum médium, geralmente sua linguagens são grosseiras, fruto de suas realidades.

Em muitas missões de resgates na trevas profundas, somente eles conseguem adentrar em certos limites, e suporta o peso das vibrações pesadas do que chamamos de inferno.

São entidades que devem apenas serem respeitadas pelos seus serviços, ao qual muitos de nós não teríamos peito para realizar.

Aqueles que cultuam por ignorância estas entidades, acabam ás atraindo por afinidades em suas habitações, contaminando seus ambiente com energias não tão sublimes, que pode influenciar de forma negativa aqueles que não sabem controlar essas energias pelas orações.

Ver para Crer

images (19)

Se Deus quisesse, poderia dar milhões de sinais, que até os mais incrédulo se converteriam, mais isso não teria nenhuma funcionalidade no teor essencial na evolução dos espíritos, pois após outra encarnação, tudo sendo esquecido, o ser voltaria à sua essência pura e natural cometendo os mesmo erros antigos.

O espírito só adquire sabedoria a cada experiência na carne, não há como pular degraus na encala da evolução, podemos acelerar a subida, mais nunca pula degraus.

Paulo era assassino e perseguidor dos cristãos, mais só se converteu e virou fervoroso seguidor, simplesmente pelo sinal que vislumbrou a caminho de Damasco.

Como também muitos seguidores naquele tempo, em que as inferioridades morais ainda dominava a alma, e que se modificaram simplesmente pelos fenômenos (milagres) que viram através de Jesus e seus apóstolos.

Como pelo contrário, a exemplo o apostolo (João), o mais amado de Jesus, que encarnou mais tarde o personagem São Francisco de Assis, na idade média, com seu padrão natural voltado á renúncia, ao amor e a caridade.

Judas por sua índole ainda limitada serviu no futuro, por sua essência ainda limitada, sendo usada nas batalhas, por sua bravura e coragem, como Joana D´arc.

Assim com as encarnações de Paulo no futuro, possivelmente não foram também de personagem tão dóceis assim, por suas limitações morais.

Baseando nas provas contextuais históricas que temos nos evangelhos, estes dois personagens já em vida, foram resgatados das trevas para servir á uma causa maior, diferenciando-os de outros em que a pureza dócil e moral já predominavam suas almas, os chamados santos.

“Disse-lhe Jesus: Porque me viste, Tomé, creste; bem-aventurados os que não viram e creram.” (João 20:29)

Executores da Lei

executores-da-lei-exu-biblia

O termo Exú nos causa medo e muita repugnação, mais quando passamos entender a verdade de sua natureza, esse preconceito se vai.

Em muitas obras espiritas modernas reveladas por André Luiz á Chico Xavier, é relatado muitos casos de equipes de espíritos no serviço das colônias espirituais no resgate de entidades sofredoras nas furnas, onde são acompanhados por espíritos que velam pela segurança da equipe. Na verdade este acompanhantes ou guardas são os Exús.

Graças também as novas obras do médium Robson Pinheiro, temos acesso a luz de novas revelações e enfoques sobre este tema e outros, que antes eram tratados como tabú, mais que até já conhecíamos mais sobre outras formas literais.

Na obra; O Guardião da Meia Noite do autor Rubens Saraceni, o personagem afirmou que houve uma grande batalha no começo do século contra as forças dos MAGOS NEGROS, que queriam dominar a superfície. Ele descreve uma ocasião em que desencarnou dois desses magos encarnados, e os levou pessoalmente até as regiões baixas no umbral onde se limitaria a eles como prisão.

Por isso os Exús são considerados como policiais do astral, ou faxineiros das zonas umbralinas, anjos do castigo ou seja lá como queiram chamar. Muitos deles são especialistas em desmanche de trabalhos de Magia Negra nas trevas e por isso possuem extensa afinidade com a Umbanda.

Guardiões da Luz nas Trevas

guardiões-astral

Fica aqui uma descrição da missão de alguns guardiões a serviço da Lei que podem ser bem diversificada pela espiritualidade ao ser, como por exemplo nestes trechos da obra de Saraceni.

“Que lugar é este, senhor Guardião dos Sete Portais?

-Aqui é onde reeduco os traidores.

Olhando para um dos guardas do lugar ele falou: -Traga-me o canalha que servia a Lúcifer. Num instante ele foi trazido. Tinha uma corrente no pescoço e o corpo reduzido a pele e ossos. Tinha marcas por todo o corpo. -Ei-lo aí, senhor da Meia-Noite. É isto aí que lhe pertence? Acha que o castigaria melhor do que eu? Duvido.”

-Por que o senhor não socorreu o Cavaleiro em sua queda? -Foi a Lei Maior que o determinou, por isto eu me calei. Mas quando Ela saiu em seu auxílio, eu arrasei o reino de Lúcifer para saber onde estava o Cavaleiro e acabei o descobrindo pois foi a Lei que me ordenou que assim o fizesse. Ele (Lúcifer) teve que calar-se e entregar-me o culpado.

Olhe bem, Guardião da Meia-Noite e verá que os que se diziam sábios, iluminados, profetas, grandes lideres religiosos ou grandes sacerdotes não passavam de otários, idiotas, tolos, imbecis, cegos e mal intencionados. Verá entre eles todo tipo de defeito e nenhuma qualidade.

Eram lobos uns pois se aproveitavam e comiam suas ovelhas e hienas outro pois se contentavam em consumir os restos deixados pelos lobos. Uns e outros hoje choram pelo erro cometido pela oportunidade perdida e pela luz não conquistada.

Viveram do mundo e não pelo mundo. A Lei não os perdoou e os entregou a mim. Eu dou-lhes o que merecem porque sou um guardião da Lei das Trevas e esta é minha função. A Lei não iria colocar um ser bom e iluminado para castigar os canalhas nem colocaria um carrasco como eu para premiar aqueles que venceram suas provas.

Não!

Os guardiões da Lei na Luz tem uma função como a minha mas afeta à Luz: não deixam cair quem se fez por merecer à ascensão. Eu não deixo subir aos que se fizeram por merecer a queda. Tudo isto eu sou e ainda assim não sou infeliz, triste, arrependido ou ruim. Não sofro de remorso por castigar aquele que a Lei derrubou, assim como um guardião da Lei na Luz nada sente ao premiar a quem merecer. Eu sou o que sou, um guardião da Lei nas Trevas e me orgulho disto porque sei que sou necessário à Lei.

O cangaceiro do Cristo

cangaceiro

Na obra “Os Dragões” ditado pelo espirito de Maria Modesto Cravo, por suas experiência quando encarnada, através de desdobramento no astral, temos essa descrição :

“…diversos componentes do “bando” de irmão Ferreira estavam cumprindo a atividade de defesa. Irmão Ferreira é excelente trabalhador das “regiões abismais .

Graças à sua índole corajosa e seu incomparável poder mental, tornou-se o que se pode chamar, segundo Dona Modesto, um “cangaceiro do Cristo”. Tendo vivido as lides do cangaço brasileiro, pernoitou longos anos de sofrimento em psicosferas pestilenciais, adquirindo vasta experiência sobre os módulos operandi das trevas.

Depois dessa etapa, resgatado a pedido de Jesus destinado a Bezerra de Menezes e Eurípedes Barsanulfo, passou a compor o “esquadrão de servidores da defesa” junto ao Hospital Esperança.

- E em uma de suas narrativas onde o hospital psiquiátrico sofria a investida da invasão de agentes das trevas temos a referência :

Os sons lembravam uma guerra... A chusma de espíritos notou a força que lhe cercava. Irmão Ferreira surgiu em meio ao cenário como se materializasse aos olhos de nossos irmãos e pronunciou o seu tom costumeiro.

– O que vos mercê acha que vai fazer aqui? Nois tamo aqui em nome de nossu senhô Jesus Cristo. E pedindo a bênção de Deus pra todos vos mecê.

– Seu cangaceiro estúpido, quanto tempo você acha que vai proteger esse fracassado? – Isto eu nunca sei responder, mas que agora nois vamo tê uma conversa de home pra home, isso nos vai.

exús-guardiões

Conclusão

Lembremos que essa questão de proteção dos guardiões, geralmente é administrada pela espiritualidade maior que concede o poder á cargo do espirito em questão, levando em conta, que nem todos os exús ou guardiões são iguais em evolução, e dependendo da evolução do ser, pela sua fé interna pelo uso da ideoplastia, pode ele materializar espadas, armas, volitar(voar) e alterar sua fisionomia para intimidar seus oponentes.

Como também existem aqueles simples que geralmente são as vezes manipulados pelos vivente através de trabalhos em certos terreiros onde são orquestrada tramoias maléficas para prejudicar alguém, por falsos pais de santos, mais é muito natural estes espíritos descobrirem depois que esta sendo enganado e manipulado, e assim se voltam contra seus mandatários.

Nem todo Exú é Guardião e nem todo Guardião é Exú, existem hierarquias para defini-las, os Exús trabalham nesta faixa umbralina, á regiões bem baixas do umbral. Os guardiões podem atuar nesta faixa á regiões mais altas por níveis hierárquicos, ao qual seus poderes variam, sendo dos mais simples na proteção de pessoas e ruas e bairros, assim como os mais poderosos á bairros, cidades e nações.

Existe uma tradição no mundo do religião do candomblé, que possui sim um grande fundo de verdade, que diz;

Se alguém que é criminoso for preso e for pedir ajuda a alguma entidade no candomblé, nunca peça para um Exú, pois se ele descobrir que o criminoso é culpado realmente, invés de tirar anos, ele vai acrescentar mais ao cárcere do tal sujeito pois - Exú é justiça !”

Por este motivo se criou a difamação de que os Exús são traíras.

guardião-meia-noite

Para aqueles que quiserem se aprofundarem nesse estudo, leiam a história do Guardião da Meia Noite do médium umbandista Rubens Saraceni, sua linguagem e relatos espirituais se enquadram com muitas obras romancistas kardecistas.

Aconselho também a leitura da obra: Legião de Robson Pinheiro.

Abraços, paz, luz e bons estudos a todos.

Autor: Valter J. Amorim (Aquárius)


Postagens Relativas:

O Resgates de Espíritos em Regiões Trevosas por Anjos e Guardiões

Um Esclarecimento Espiritual dos Exus Amparadores, por Wagner Borges

Ideoplastia – O Poder Criativo do Espírito

A deformação no Corpo Espiritual ou Monoideísmo

A Origem de Lúcifer e o Mito Anunnaki

1 comentários:

Fica-se aos leitores cientes de que algumas postagens, principalmente do Administrador, Valter J.Amorim, estão sujeitas á alterações ou atualizações, de informações !