Digite seu E-mail:

Assine o Feed

As Profecias de Anton Johannson

profecias-Anton-Johansson

O profeta Anton Johansson

Conhecido como o cristão Onividente de Finnmark, Anton Johansson pescador Suéco famoso pela previsão do naufrágio do Titanic. Ele também previu a Primeira Guerra Mundial na Europa Central, a Revolução Russa, a derrota da Alemanha na Primeira e Segunda Guerras. Johansson foi muito obcecado por aquilo que ele designa uma Terceira Guerra Mundial.

Ele afirmou que iria sair no "final do mês de julho, início de agosto, não sei o ano", mas foi um detalhe sobre a invasão russa da Europa e do Médio Oriente. Segue abaixo o que possivelmente seria um visão sobre as mudanças geológicas que ocorrerão em nosso planeta num futuro próximo !

Profecias futuristas para a humanidade

"As casas das cidades tremiam como folhas de choupo, e na costa, algumas estruturas altas de madeira desmoronavam. Logo após, um estrondo espantoso ecoou, vindo do mar, e uma onda monstruosa começou a se aproximar da costa com incrível velocidade e se despedaçou contra os rochedos. Nos lugares planos as águas continuavam rolando terra adentro, submergindo grande parte de Drontheim e provocou enormes estragos. Grandes silos e armazéns desabaram e foram lançados ao mar.

A inundação se estendeu por toda a costa norueguesa, desde o sul até bem lá em cima, nas proximidades de Bodö. Eu ouvi o nome de muitas cidades sitiadas. E fui em espírito (fui em corpo astral) às grandes cidades da costa inglesa, onde as forças da natureza causaram maiores estragos. Toda a costa leste da Inglaterra estava, até bem no interior, sob a água. A cidade de Hull e suas proximidades foi a mais atingida.

Um enorme choque deve ter se abatido sobre a Escócia, pois parecia como se grandes partes do país tivessem se submergido. Então distingui Londres. A catástrofe parecia ter atingido ali o seu ponto máximo. O porto e o cais estavam completamente destruídos, incontável número de casas destroçadas, a água coberta de destroços. Muitos navios afundaram no porto, muitos outros foram lançados à terra, no meio das casas. Os barcos naufragavam no mar e muitos marujos se afogaram.

Grande quantidade de peixes mortos, principalmente arenque, subiram à tona d'água. Depois disso, as ondas destruidoras passaram pelo canal e destruíram portos e cidades dos dois lados. Rouen foi uma das mais atingidas, mas outras cidades da costa norte da França também sofreram muito. Grande parte da Holanda, da Bélgica e da costa alemã no Mar do Norte também foram seriamente atingidas.

Antuérpia e Hamburgo estavam entre aquelas cidades que mais foram danificadas. Esta última eu vi, e pareceu-me que, depois de Londres, foi a que mais sofreu. Também me foi dito que enorme quantidade de estoques de mercadorias foram ali perdidos.

As conseqüências da catástrofe também foram sentidas na costa oeste e norte da Dinamarca e em todas as cidades ali situadas e também em toda a costa oeste da Suécia - principalmente Gotemburgo, Hälsingborg e Malmo"


Postagens Relacionadas:

Vulcão das Ilhas Canárias pode ocasionar Mega-Tsunami, que atingirá as Américas

Vulcão Yellowstone pode estar prestes a explodir

As Profecias de Ned Dougherty e a Futura devastação nos EUA, por Megas-Tsunamis

0 comentários:
Postar um comentário

Fica-se aos leitores cientes de que algumas postagens, principalmente do Administrador, Valter J.Amorim, estão sujeitas á alterações ou atualizações, de informações !